Tags

, , , , , ,

Claude Guéant. Foto: MaxPPP

No começo desse mês o governo francês comemorava ter batido o recorde de expulsões de estrangeiros no ano passado. Ao total, 32.922 imigrantes foram deportados. O Ministério do Interior ainda afirmou que a taxa de criminalidade entre os estrangeiros é, em relação ao índice médio geral, “de duas a três vezes superior”.

“Este número de expulsões é superior ao de 28 mil inicialmente fixado. É o mais elevado até hoje”, segundo o ministro do interior Claude Guéant, muito conhecido por sua determinação em encontrar e expulsar os estrangeiros da França. A meta dele, agora, é expulsar 35 mil em 2012.

E se engana quem pensa que ele caça apenas os imigranes clandestinos. Os imigrantes legais também estão na lista negra. Como exemplo, é possível citar a concessão de vistos de trabalho, que caiu 26%, e os de família – para quem tem parentes da França (14%). Para as permissões de primeira estada na França, o ministro informou que o objetivo é voltar à taxa de 150 mil autorizações de permanência por ano, a mesma de 20 anos atrás.

Fonte: RFI